Menino de 12 anos cuida sozinho do pai cadeirante

0
3129

criança-cuida-de-pai-cadeirante-01Um menino de 12 anos, que mora em Buriti de Goiás, cuida sozinho do pai, que sofre de uma doença rara e não pode mais andar. Para cumprir essa tarefa, que ele faz por vontade própria, o garoto teve que parar de estudar, mas agora o Juizado da Infância e Juventude busca uma solução para o caso.

A situação do menino e do pai preocupou a juíza Maria Socorro da Silva, da Vara de Infância e Juventude. “A responsabilidade primeiro é dos próprios familiares desse pai que é cadeirante. Transferir essa responsabilidade para uma criança ou um adolescente não é correto”, diz.
Vitor da Silva tem 12 anos e mora a 150 quilômetros de Goiânia. O menino cuida sozinho do pai, que é cadeirante. Edson da Silva sofre de uma síndrome rara que afeta o sistema nervoso central.
criança-cuida-de-pai-cadeirante-02
A mãe do garoto se separou do pai e o menino preferiu ficar do lado dele. “Ele cuidou de mim quando eu era mais novo, então eu quero retribuir”, diz o menino.
O problema é que Vitor já está há quatro meses sem ir à escola e ele não é o primeiro aluno a deixar os estudos para ajudar a família. Sair da escola antes do tempo compromete o futuro da criança e tira muitas oportunidades, por isso, a prefeitura de Buriti está analisando a possibilidade de contratar um cuidador para o homem e, assim, o garoto poderá voltar a estudar.

A Secretaria de Educação de Goiás diz que a partir de agosto Vitor irá, inclusive, poder repor as aulas perdidas. “É louvável a atitude dele, um menino de 12 anos ter a responsabilidade de cuidar de um pai doente sozinho. A escola fará o que for possível para que ele não perca o ano”, diz Marcos das Neves, superintendente da Secretaria Estadual de Educação.
“Eu me sinto privilegiado por ter um filho de ouro. Não é nem ouro, ele é um diamante lapidado”, diz o pai.

via: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui