Yves participou na competição do  Open Talent de Jiu-Jítsu , que ocorreu em campinas! Alem de ser um bom lutador no tatame, a história deste guerreiro é digna de Oscar.

Cadeirante desde de 2008, depois de  sofrer um grave acidente de carro aos 21 anos que acabou deixado-o com lesão medular (paraplégico).

Esse tipo de “trauma” muda a vida de qualquer pessoa, quando falo mudança é mudanças das grandes. E só nós resta encarar de peito aberto,  esse mundo desconhecido!

E Yves fez e faz isso, grande amante do  jiu-jítsu desde dos 13 anos de idade, adaptou movimentos do jiu-jítsu para continuar treinando, Junto com seus professores e amigos foi adaptadas as chaves.Que proporciona entrar em competições, alem de jiu-jítsu ele se aventura em outras modalidades esportivas,  treina boxe e compete em corridas de Kart!

“todo mudo pode, só basta querer, ter vontade e ir em busca disso”

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui